quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Devoção...

(clique e amplie)
Religiosas da Associação do Apostolado da Adoração da Freguesia de Santo Antônio de Campo Maior nas comemorações dos 50 Anos de fundação, sob a presidência de D. Chiquinha Oliveira.
Da esquerda para a direita, primeira fila sentadas com o Padre Mateus Cortez Rufino: Úrsula Costa de Araújo, Josefa Lima, Francisca Oliveira (D.Chiquinha), Iaiá Moura, Noca Lima - minha primeira professora - e Dona Maroca, aquela mesma, da gostosa merenda no Ginásio Sto. Antônio, mãe do Prof. Raimundo Santana...  

Em pé, da segunda à última fila: D. Maroquinha Monteiro, Celuta, Inez Miranda, Briolanja Oliveira, hermínia Lima, Enidina , De Lourdes Miranda Batista, (?), (?), Zelinda Carvalho Miranda, Francisca Cardoso Brito(Cicy), Nazinha Andrade, Altair Sampaio Miranda, Carmen da Costa Araújo Araújo Miranda, D. Lelé Portela, D. Cota Paz, Maria José Costa, (?), Zazinha Castelo Branco (Cine Nazaret), (?), Rosa Sampaio Melo, Mercedes da Costa Araújo, Angélica da Costa Araújo Miranda, Nailde Portela (mãe de Aloísio Portela), Beleza Lima, D. Zuca Napoleão e Ana Tereza Moura.     

Foto Azevedo 
Fonte: GeraçãoCampo Maior - Reginaldo Lima.

26 comentários:

Simão Pedro disse...

Nas fotos, três tias.Duas eram filhas do meu Trisavós Sinfrônio Olímpio do Monte e Anísia Genuíno de Oliveira, Tia Cota, mãe do Zé Olímpio e Tia Lelé, Mãe da Maria Inês. A outra,Tia Briolanja Oliveira,que era irmã de Anísia e cunhada de Sinfrônio. Um dia desses reconto essa história.

Luis Augusto da Paz disse...

Não se trata da D. Maroca, zeladora do Ginásio, e sim D. Maroca Santana, esposa do Tabelião Arão Santana, meus padrinhos de batismo.

Anônimo disse...

Não sei quais destas encatadoras mulheres ainda estao entre nós. Mas a citada senhorita Alice Andrade, conhecida carinhosamente como Madrinha Nazinha, que vem a ser irmã do senhores Mario Andrade e Silvio Andrade, desfruta de nossa convivencia hoje, lucida aos 103 anos.

Helmo Bona Andrade

Hamilton disse...

João de Deus na foto tem a dona Maroca da merenda do Ginásio e tem também uma dona Maroquinha Monteiro em pé na segunda fila. Deve ser essa que o Sr, Alfredo está se referindo.

Pereba disse...

Parece até aquelas imagem do filme paixão de cristo que passava na semana santa no cine Nazaré do seu Zacaria e eu te juro que tinha medo porque parecia cara de defunto kkk

Marcelo Bona disse...

Seu Neto,
Permita-me uma pequena correção:
O nome correto da Mãe do Aluísio Portela é Anaíde Monteiro Saraiva Portela e não Nailde Portela,quem vem a ser minha Tia Avó!
Irmã de Marion Saraiva e de minha Vó Iracy Maria Monteiro Saraiva de Oliveira, Esposa de meu Avô, Drº Joaquim Oliveira.
Grande abraço.
Marcelo Bona.

João de Deus Netto disse...

Obrigado, Marcelão! O Reginaldo Gonçalves, autor da matéria para o livro Geração de Campo Maior, também agradeceria.
É isso minha gente, o pernambucano mais campomaiorense de todo os tempos nem imaginaria que estaríamos hoje aqui dando continuidade ao seu trabalho de pesquisas e divulgação da nossa história e costumes, numa mídia estranha de nome... "internet"?!!
O jornalista e administrador de empresas, Reginaldo Gonçalves, me procurava toda vez que ia em Teresina, ou que eu ia à Bitorocara, onde tomávamos umas e fazíamos planos neste sentido, dentre eles, um jornal de nome "O Campomaiorense", em homenagem ao primeiro periódico que circulou na cidade entre os anos de 1821 e 1823.
Meu amigo Reginaldo teve morte prematura antes do primeiro número.
Ainda guardo a arte do logotipo do que seria o nosso "O Campomaiorense".

Aldenora - São Bernardo(SP) disse...

Morreram sem ler uma linha da Bíblia, pra vitória da igreja delas. Deus sabe o que se passou.

Anônimo disse...

Aldenora, a dona da verdade. Indelicadeza em pessoa. Comentario desnecessario..enfim...Faltando com respeito com a visão religiosa destas mulheres. Estamos num Estado laico, portando o respeito se deve a TODAS as crenças, religiões e culturas. Não podemos olhar somente pra nosso umbigo.

José Miranda Filho disse...

Na verdade, a verdade que aqui se viu foi a cacetada que o anônimo (apesar de "anônimo") aplicou na Aldenora. Ô povo sem jeito, que não perde uma oportunidade para expelir o mal que conserva no seu interior! Os "evangélicos" reclamam que, embora seja o Brasil um Estado laico, é dado privilégio à Igreja Católica, quando os "crentes" é que relegam a laicalidade brasileira e vivem a agredir os católicos. Aliás, um gesto nada cristão. Estão sempre atirando a primeira pedra. Ressalte-se que há uns críticos neste blog que se escondem sob o manto dos que não têm religião, mas são apenas obedientes à Bíblia, e outros que dizem ser ateus. Acontece que o alvo deles se limita ao Catolicismo, mesmo se sabendo que não exista nenhuma religião cujos seguidores sejam todos santos.
João de Deus: Pois não é que no meio dessas senhoras - muito dignas de respeito, por sinal, - são familiares minhas? Vejamos, pois as citarei com bastante orgulho: Úrsula da Costa Araújo Miranda (avó), Inez da Costa Araújo Miranda, Carmem da Costa Araújo Miranda, Maria de Lourdes da Costa Araújo Miranda Batista, Angélica da Costa Araújo Miranda e Mercedes da Costa Araújo (tias), Zelinda Carvalho Miranda (tia afim), Altair Miranda Sampaio e Rosa Sampaio Melo (primas). Ademais, Profª Iaiá Moura (colega da Profª Mocinha da Costa Araújo, minha tia) e Profª Josefa Lima (minha primeira mestra, na Escola Maria Auxiliadora). Não se duvide acerca de honradez e vida religiosa (inclusive conhecimento bíblico) que abrigaram esses coraçõezinhos aí!

João de Deus Netto disse...

Zé, quando eu estava fazendo o post pensei justamente nisso: a família Miranda está presente neste time, quase da goleira à ponta esquerda. O Técnico é que veio do Ipiranga Devoção Club rs rs!

Anônimo disse...

Sou católico não praticante...Não conheci pessoalmente nenhuma das senhoritas e senhoras da foto, mas confesso ter me indignado com o comentário sem propósito, sem nexo, sem educação da prezada Aldenora. Não há motivos pra tal comentário. Bem falou o "anonimo" sobre este infeliz comentario.
Perfeito foi ele nas suas palavras.
Não devemos ter como cavalo de batalha, como uma verdade maior um pensamento que não é da grande maioria. Acho que devemos respeitar a tudo e a todos. Não podemos, como diz o anonimo, olhar somente pra nosso proprio umbigo.
Aldenora, menos né. Sejamos mais senssata e respeitosa. Sua religiao é respeitada e com certeza muito útil a voce. Não vi, nem vejo motivos pra que haja desdem com relação a reportagem das senhoras católicas.

Constantino Teodósio Lemos disse...

Católico NÃO praticante.
E agora? Esta só o Papa (será?) decifra KKK
A impressão que passa e com muita certeza é que estes tais católicos não-praticantes são pessoas que não têm religião, mas temem admitir isso. Nasceram em família católica, foram batizados, talvez crismados, mas tudo isso como formalidade. Não possuem convicção na fé católica (e nem são obrigados a ter, obviamente), mas se admitirem isso e disserem que, no fundo podem até acreditar em Deus e em Jesus (ou mesmo não acreditar), mas não são católicos, não vão mais agradar o papai e a mamãe. santa hipocrisia alimentada por uma desculpa que já vem de longe.
Seus católicos não praticantes (ai ai) deve ser por isso que a Igreja Católica está nesta crise de perda de credibilidade. Evasão de fiéis que tem medo de acreditar em Deus, já nem falamos em idolatria, condenável pela Palavra em toda Bíblia. Mas aí já seria pedir demais. Desculpem, católicos não praticantes, mas se for pra repetir ladainhas, aposto como o Bispo agradecerá seu silêncio.
Taí a qualidade dos que dormem nas missas, olhando o tempo todo para o relógio. Final dos tempos pra a Igreja de Roma e seus últimos fiéis Anônimos e Católicos Não Praticantes.

De Assis do Pio XII disse...

Seus moço depois dessa um cara com nome de santo como eu tem mais é que criar vergonha na cara e ir pelo meno uma vez por ano na missa. Mas não. Eu chego ali na igreja da tabuleta antes da esquina já tá sou atucaiado pelos enviado do coisa ruim pra tomar cachaça. E quando fui no último festejo de sano Antonio isso tem uns dois anos e foi até pior porque tomei uma no amigo do boteco xis com a biblioteca ali onde vendia peixe. Aí pronto adeus Antonio porque fiquei católico não praticante de novo. KKKKKKKK.
Mas o carão do moço aí foi bem dado e tem rumo o que foi dito.

Luana disse...

É uma religião que os próprios adépitos não levam a sério. Pessoas que se dizem católicos são frequentadores de macumba, espiritismo, etc. Sem falar que não seguem o verdadeiro cristianismo porque este não lhe é ensinado, como por exemplo adorar somente um Deus - Jesus Cristo.
Todo mundo acha que ser católico pode tudo, então dá nisso!
Querem criar leis humanas superior a de Deus, dá nisso!
Também criaram uma autoridade superior aqui na terra para ser querido e adorado, que é o papa e, coitado ninguém o escuta. Esta tudo errado, autoridade maior a ser obedecida é a de Deus e esta é a Bíblia sagrada.

LUÍS CEO disse...

PORQUE O CATOLICISMO EM SI, É UMA DOUTRINA DE TRADIÇÃO. (FARISEUS)

SE PRESTARES ATENÇÃO NAS MISSAS, É SEMPRE A MESMA COISA DESDE A ANTIGUIDADE, TRADIÇÕES DEIXADAS PELOS PAPAS, E QUE HOJE EM DIA AINDA PERSISTEM, ESTÃO ATÉ QUERENDO VOLTAR A CELEBRAR MISSA EM LATIM.
MAIS PREGAR A BÍBLIA QUE É BOM??? NECADECATIBIRIBA!!
COMO ELES PREGARÃO A PALAVRA, SE A PALAVRA CONDENA SUAS TRADIÇÕES PAGÃS???

REFLITAM!!!

Anônimo disse...

Menino .... agora virou não um debate e sim um embate entre religiões. Que cada um tenha a sua e respeite a do outro, isto sim. Mas na minha modesta opinião "fazer o bem sem olhar a quem" ainda é a melhor maneira de estar de bem com DEUS..Que adianta frequentar rituais seja de que religião for e fora dali não estender a mão aos que tem necessidade! Puro fanatismo, hipocrisia e até em alguns casos, extorsão...Que todos tenham a liberdade e o respeito de escolher sua religião, mas é imprescindivel o respeito às outras. Afinal de contas o DEUS é um só.


Gilberto

José Miranda Filho disse...

João, só faltaram 3 para completar esse time. Sugiro ao Técnico os nomes de Josefa Lima, Noca Lima e Iaiá Moura.

Gracinha Torres disse...

Netto.
Legal, lá está minha querida e amada vozinha Antita. Maravilhosa,quando eu era pequena
ficava passando os dedos entre meus cabelos contando Histórinhas como a da Cabra Cabriola etc... Me dava uma tigela enorme de cuscuz com leite, eu não conseguia levantar com a barriga tão cheia. Também eu podia arrumar sua cristaleira e quebrar alguns copos. Amor assim só o que sinto pela minha neta, Bárbara.
Obrigada por me fazer lebrar de tanto amor, e eme fazer chorar de saudades.
José eu já ia pedir para você escrever alguma coisa.
Beijos.

Gracinha Torres. disse...

Corrigindo, ela me contava historinhas.
Ela está na foto logo a baixo de Dona Beleza.

José Miranda Filho disse...

Gracinha, umas poucas palavras, e só porque é pra você.
Em grande maioria, as pessoas da foto estavam muito jovens, e, quando nós as conhecemos, elas já tinham idades meio avançadas. Esta é razão pela qual não identifico muitas delas. Sua avó Antita é um exemplo, e nem serviu você informar que ela está perto da Dona Beleza, porque esta, igualmente, não consegui localizar na fotografia.
Será que pode fornecer dicas mais precisas? Quero ver as duas.

gracinha torres disse...

José. A Dona Beleza está na última fileira, ao meio do primeiro quadro, minha avó está logo abaixo dela.
Beijos.

José Miranda Filho disse...

Sim, consigo localizar a Dona Beleza e sua avó na foto, Gracinha. Que bom que (apesar da demora) tenha me respondido. A rádio Bitorocara está apresentando um bolero (em castelhano), cujo título não lembro no momento (que memória!), daqueles velhos e saudosos tempos...
Beijos!

José Miranda Filho disse...

Gracinha, me perdoe. É que eu não tinha visto sua resposta do dia 15 de novembro. Mas o que é isso? Estou sempre revendo posts mais antigos e não havia visto sua resposta, não. Depois de 15 de novembro mesmo revi este post, e essa resposta não estava aí, com toda certeza. Será que não observei bem esse pequeno/grande detalhe? Passou despercebido por mim ou confundi com a primeira informação que você fez sobre sua avó.
Assim, eu é que demorei em lhe agradecer a resposta.
Beijos.
____________

João, algumas músicas da rádio estão saindo aos saltos, com sucessivas interrupções. Vou localizar o velho - estar velho mesmo - sonoplasta da velha Rádio Clube de Campo Maior, pra dar uma orientaçãozinha ao teu. Mas que emissora boa; só toca música de primeira! E a fase natalina começou para nostalgiar nosso coração: velho.
Beijo. Beijo não, rapaz, tá doido?! Abraço. Beijos foram mandados bem aí em cima, "para um(a) alguém" (outro(a) e não pra ti (recorda essa expressãozinha aqui, entre aspas, dita costumeiramente nos antigos oferecimentos musicais?

Aurea disse...

Lele Portela era minha avó,Cota e Briolanja eram tias de minha mãe,Altair e Rosa Sampaio eram irmãs de meu pai.Mais uma observação,Ceci Cardoso,irmã da joaquina,tambem é viva,como D. Nazinha.

Catarina disse...

que coisa interessante!!! Ontem tive um sonho no qual eu conversava com um pássaro que me falava se chamara Cacá Oliveira, filha de Briolanja Oliveira. Acordei impressionada com isso, pois este nome(Briolanja) até então só sabia que era nome de escola. para minha surpresa vejo hoje essa foto e mais impressionante ainda, o comentário de Simão Pedro sobre Briolanja ser cunhada de Sinfrônio, pois há uns três anos sonhei que eu já fui em outra vida uma senhora chamada Maria Da Luz e descobri que ela foi mãe de Sinfrônio. Senhor simão Pedro, a senhora Briolanja teria tido uma filha chamada Cacá?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...