sexta-feira, 11 de setembro de 2009

A ARTISTA E A OBRA


Isto aqui é uma verdadeira enciclopédia que resgata o que poderia ter caido no esquecimento. Uma coisa que se deve lamentar, além da "inevitável", é presenciar verdadeiros arquivos vivos partirem levando consigo uma Serra Azul de acontecimentos que foram testemunhadas por elas. Ainda é tempo; nós que fazemos este blog estamos abertos a todo tipo de registros que venham a enriqueçer o resgate da memória de nossa Campo Maior.

"TIA DUDU, esposa do meu avô LUIZ ALMENDRA, foi uma das pessoas que ajudou na formatura de meu caráter, tive o privilégio de privar da sua convivencia, do seu carinho e ainda ajudei a colocar na mesa de pintura alguns azulejos desta belissima obra de arte. Parabéns ao blogueiro por esta feliz lembrança. Sinto-me Honrado".
MAKURU

17 comentários:

Anônimo disse...

Realmente esta obra é BELÍSSIMA. E graças a Deus ainda não a destruíram, obra prima da grande pintora Dulcila Ibiapina.

zan disse...

Convivi durante dois anos com a Da.Ducila Ibiapina, como professor no Colégio Estadual e Ginásio Santo Antonio. Pessoa discreta, educada e gentil como poucas.

WASHINGTON ARAÚJO, de Fortaleza disse...

O painel da Bona Primo é uma obra belíssima.
A praça foi construída na excepcional administração do Professor Raimundinho, homem visionário que deu nova feição à ciidade.
Abandonada e degradada nas últimas gestões, foi inteiramente reformada pelo atual prefeito, readquirindo o seu antigo brilho, preservado o belo painel que agora soube, por meio do Bitorocara, tem por modelo a arte da dona Dulcila Ibiapina

Francisco Macedo Júnior disse...

Netto, eu acho que foi a Dona Dúlcila Ibiapina quem pintou aquele quadro do mercado tambem. Tem como voce confirmar isso Netto?
Ela morava em frente ao Escola Valdivino Tito.

Maria disse...

Dona Ducila,grande professora,no Valdivino Tito,Ginasio Santo Antonio,além de ser uma boa artista.

Anônimo disse...

Netto

É possivel alterar comentário de algum leitor depois de postado? Entrei cedinho da manhã no seu blog e vi um comentário antes do "Anonimo" e ele foi removido e alterado e postado depois. É possivel isto? Somene curiosidade.

Maria José Carvalho Coelho disse...

D. Ducila Ibiapina foi minha professora de arte no Colégio Estadual de Campo Maior. Artista ímpar, de uma educação exemplar, além de ser muito bonita. Os trabalhos de artes que ela passava pra gente eram de deixar qualquer um careca, pois além de exímia pintora era extemamente perfeccionista. Os trabalhos tinham que ser perfeitos e bem pintados. Parabéns Netto, pela belíssima homenagem.

Maria José Carvalho Ceolho disse...

Errata
Diga-se Dulcila

zan disse...

Dulcila ou Ducila, o importante é que todo mundo que conhececeu a pessoa sabe de quem se trata. Mais dados biográficos, fica para os parentes ou pessoas que conviveram mais intimamente com a "tia Dudu", como diz meu amigo Edmar Ibiapina, acrescentarem...

João de Deus Netto disse...

Quando alguém comete algum deslize nesta difícil, complicada e, recentemente, reformada, língua, me manda por e-mail o mesmo comentário com a correção de alguma palavra que a estava incomodando; eu deleto a primeira e republico a que foi reenviada com a correção. Aproveitando o ensejo, esclareço também que essa coisa de ficar "vigiando" os comentários, confesso que não estão nos meus planos, até porque a falta de tempo é absoluta.
Os comentários continuam concorrendo - e isso enriquece o blog - com os posts do Bitorocara. É só ter um pouquinho de cautela ou deixar pra lá, que ninguém aqui está aspirando concorrência com o Machado de Assis.
Um abraço, e façam bom proveito deste espaço.

Iranildes disse...

Pois eu neeeem me importo, se lugar do z tem um s açentado, pra mim, se entendeu já tá mais mió do que bom. O importante é que emoções eu senti. O resto é que eu me lmbro que ainda tirei uns pino encostado aí nesse painel por sinal muito bonito e que me dá uma saudade danada.

Anônimo disse...

Tive o prazer de ser aluno da Tia DUDU, era assim que ela era conhecida pelos amigos e alunos do Ginasio Santo Antonio, grande pessoas e grande professora, tinha um coração do tamanho do mundo em bondade.

Anônimo disse...

O email anterio foi de Josias Bona nâo de anônimo, desculpem.

Horácio Lima disse...

O retábulo representa com perfeição a obra artística onde se torna conhecida quando algo a faz ficar diante de um dos sentidos do ser humano. Não cheguei a conhecer a artista que praticou a bela arte, mas com certeza tenho molduras minhas diante do ornato.

O artista faz arte segundo seus sentimentos, suas vontades, seus conhecimentos, suas idéias, sua criatividade e sua imaginação, o que deixa claro que cada obra de arte é uma forma de interpretação de vida.

Parabéns ao Netto, criatura humana que conheci através do meu amigo ZAN em resgatar memórias num espaço de tempo decorrido.

Artur disse...

Na casa do Raimundinho Andrade e do Cordeiro de Mello existem quadros a óleo pintados por ela, com paisagens bucólicas quase idênticas. A vovó Mirtes já prometeu me dar o da casa dela...

Anônimo disse...

TIA DUDU, esposa do meu avô LUIZ ALMENDRA, foi uma das pessoas que ajudou na formatura de meu carater, tive o privilégio de privar da sua convivencia, do seu carinho e ainda ajudei a colocar na mesa de pintura alguns azulejos desta belissima obra de arte. Parabéns ao blogueiro por esta feliz lembrança. Sinto-me Honrrado.
MAKURU

Ana Lucia disse...

MAKURU!!! Menino, onde tu andas? Será que vc vai a Campo Maior nos festejos? Vá, leve sua família, eles vão adorar conhecer a sua cidade e vc vai gostar de revê-la, acredite, é muito bom voltar a Campo Maior. Sei de um monte de gente dos "antigos" que irão pros festejos, aproveite e vá tb.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...